Elementos da compartimentação


Compartimentacao VerticalQuando se compartimenta uma edificação, é preciso utilizar elementos de construção, conhecidos como corta-fogo, ou seja, portas, pisos e paredes, que possuem resistência mecânica às chamas e que impedem sua passagem e a da fumaça.

Em situações especiais, são permitidos os elementos conhecidos como para-chamas, que, embora possam ser utilizados, apresentam, apenas, resistência mecânica e capacidade de estancar, mas não impedem a passagem do calor.

É importante, também, que todos os componentes de compartimentação respeitem o chamado Tempo Requerido de Resistência ao Fogo (TRRF). que determina o intervalo de tempo durante o qual uma estrutura construtiva se mantém íntegra, em casos de incêndios. Esse tempo varia, conforme for o tipo de ocupação e as dimensões da edificação, alternando de 30 até 180 minutos, classificados de P1 (30 minutos) à P8 (180 minutos).

Por sua vez, quando a instalação se dá no subsolo, a classificação é feita em S1 (60 minutos de resistência) ou S2 (90 minutos de resistência).

Para se medir o tempo de resistência ao fogo de uma edificação, é necessário realizar testes e ensaios específicos, ou atendimento a tabelas feitas com base em resultados conseguidos em ensaios de resistência ao fogo. Para elementos estruturais, o TRRF pode, ainda, ser comprovado através de modelos matemáticos analíticos, normatizados ou reconhecidos, internacionalmente.

 

Comentários
0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *